"A virtude não está no excesso, tampouco na ausência da coragem, mas na justa medida com que o homem corajoso é dela aquinhoado" Aristóteles